Nickelodeon apresentará seu primeiro adolescente trans para atuar em programa infantil

  • 09/06/2021
Nickelodeon apresentará seu primeiro adolescente trans para atuar em programa infantil

Depois de revelar publicamente que fez a transição cerca de duas décadas antes, a estrela da Nickelodeon, Michael D. Cohen, lançou o Trans Youth Acting Challenge [Desafio de Atuação da Juventude Trans], em dezembro, para ajudar os jovens trans a entrar no mercado cinematográfico. 

Ele recebeu 200 inscrições para 15 vagas em uma master class virtual que leciona. E agora, pela primeira vez, Cohen revela que um participante, o ator trans de 13 anos, Sasha A. Cohen (sem parentesco), foi escalado para sua série “Danger Force” junto com sua irmã gêmea Natalie R. Cohen. Os adolescentes aparecerão no episódio de 19 de junho, que Cohen também dirigiu e co-escreveu.

Nova proposta da Nickelodeon

“Quero que Sasha [menina que se identifica como menino] veja seu próprio poder como ator e como humano”, disse Cohen à Variety. “Eu quero que ele se sinta orgulhoso de seu trabalho e realmente confiante em si mesmo em todos os aspectos e saiba que ele ajudará a ‘mudar a vida das crianças’ por ser o primeiro garoto com experiência trans na Nickelodeon”, continuou.

Em resposta, Sasha disse: “Nunca me senti confortável com quem sou e nunca pensei que faria um papel transgênero. Mas há tantas crianças por aí que precisam ver alguém como eles — um modelo que tem a capacidade de se mostrar”.

Paul DeBenedittis, vice-presidente executivo de estratégia de programação e conteúdo da Nickelodeon, descreveu o casting de Sasha como consistente com a “missão da Nickelodeon de ser um lar para todas as crianças e representá-las autenticamente em toda a sua diversidade”. DeBenedittis expressou sua gratidão a todos os envolvidos no episódio de 19 de junho, que ele descreveu como “uma história de amizade e confiança”. 

Ativismo LGBT declarado

Além de trabalhar para aumentar o número de atores identificados como trans por meio do Desafio de Atuação da Juventude Trans, Cohen está lançando uma iniciativa para recrutar mais escritores transgêneros para trabalhar na indústria. 

“Estamos nos concentrando em estudantes universitários e graduados para encontrar escritores talentosos com experiência trans para que possamos ter um banco de dados para produtores e redes de comunicação”, revelou.

Todas essas ações mostram que o ativismo LGBT da Nickelodeon é declarado. Na semana passada, a conta da rede no Twitter apresentou várias aberturas para a comunidade LGBT em reconhecimento ao que eles chamam de "Mês do Orgulho".

Tendência

A Nickelodeon introduziu os personagens LGBT pela primeira vez em sua programação em 2016, quando um casal do mesmo sexo apareceu na série de desenhos animados “The Loud House”. 

De acordo com o Christian Post, o ativismo LGBT da Nickelodeon se estendeu à programação infantil em várias ocasiões. Em 1º de junho, a Nickelodeon postou  um vídeo em sua conta no Twitter documentando a criação da arte em panqueca, retratando o logotipo da Nickelodeon banhado pelas cores do arco-íris. 

No início deste ano, um episódio de reinicialização da série educacional infantil “Blue's Clues” apresentou uma canção com as letras do alfabeto, onde o popular cão do programa cantou “P está cheio de orgulho”. A letra “P” apareceu pintada de arco-íris, com a tela cercada pelas bandeiras de “orgulho LGBT”. 

Antes do relançamento do desenho animado infantil "Rugrats", a atriz que interpretou “Betty” disse que sua personagem seria retratada como uma mãe lésbica solteira. A série tem seu foco na vida cotidiana de um grupo de crianças. 

E, mais recentemente, um novo vídeo infantil “Blue’s Clues & You”, mostra um desfile de orgulho gay apresentado por uma drag queen, com várias formas de sexualidade e expressão de gênero. 

O vídeo inclui famílias com dois pais, e duas mães através de personagens do mundo animal. Entre eles, uma família de castores, onde um deles apresenta uma cicatriz no peito, representando uma mastectomia dupla [cirurgia para retirada dos seios]. 

Críticos, entre eles pais, mães e psicólogos protestaram dizendo que as crianças não precisam ser expostas à confusão de gênero ou temas totalmente sexualizados, o que eles classificam como um “verdadeiro ataque ao público infantil”. 

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/noticias/nickelodeon-apresentara-seu-primeiro-adolescente-trans-para-atuar-em-programa-infantil.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 5

top1
1. Cantinho do meu barco

Samuel Miranda

top2
2. Eu Sei que Vem

Isadora Pompeo

top3
3. Te Entreguei Meu Coração

Luma Elpidio

top4
4. Não foi por acaso

Paulo Neto

top5
5. De Dentro Pra Fora

Julia Vitoria

Anunciantes